Saiba tudo antes: Uncharted 4: A Thief’s End

Uncharted 4 marcará o fim de uma era para Naughty Dog, segundo as próprias palavras do estúdio. O título está recebendo um cuidado mais que especial por parte de toda equipe que tem o desejo de fazer do quarto episódio o melhor de franquia.

Uncharted 4: A Thief’s End ainda contará com Nathan Drake como protagonista, isso porque este será o último “papel” de Drake como estrela da franquia. Tudo aponta para que o caçador de tesouros finalmente se aposente no final da aventura.

Na realidade, o enredo de A Thief’s End tem início quando o agora familiar Nathan tenta levar uma vida longe de confusões e adrenalina. Os dias seguem pacatos, quando seu irmão mais velho, até então, supostamente morto, bate na porta de Nathan e pede ajuda para tentar encontrar um misterioso artefato. O agravante fica por conta de Sam não ter mais alternativas, restando somente o auxílio do seu irmão.

Mas, como conhecemos de Uncharted, onde está Drake também está Victor Sulivan, seu mentor e figura paterna. O trio, então, parte em busca das relíquias que certamente trará consigo as confusões características da série.

A Thief’s End marcará a estreia, de fato, da Naughty Dog na oitava geração de console. O estúdio sabe da importância da franquia e, em virtude disso, tem se empenhado muito para criar a melhor experiência de toda série.

Para não somente atingir as expectativas, mas superá-las, a equipe está implementando uma série de adições ao novo game que prometem impressionar.

Experiência sandbox

Assim como nos capítulos anteriores, Uncharted 4 terá um enredo linear, entretanto, os cenários serão maiores, mais amplos e com caminhos diferentes. Não necessariamente os jogadores deverão seguir por um único caminho. Ao longo do percurso, mais alternativas serão oferecidas, por meio de uma rua diferente, uma escalada, uma travessa, enfim.

Essas pequenas diferenciações farão com que o game tenha uma “sensação” de mundo aberto, onde os jogadores terão mais liberdade para encontrar tesouros, artefatos e fragmentos da história.

Além dos cenários mais amplos, o próprio enredo contará com opções selecionáveis. De acordo com a opção marcada, fragmentos da história poderão ser ampliados e explorados.

Incorpore o Big Boss

Nos jogos anteriores da saga, era possível surpreender os inimigos e nocauteá-los em ações furtivas, mas uma vez que o personagem fosse descoberto, não era mais possível se esconder e voltar a ficar oculto.

No novo capítulo, melhorias substanciais serão aplicadas nas mecânicas. Nathan será capaz de se esconder em matagais e ficar invisível no melhor estilo Big Boss e, mesmo descoberto, será possível se esconder novamente, e tentar surpreender os inimigos outras vezes.

Movimentação moderna

A movimentação de Uncharted 4 será mais fluída e natural. Isso deve-se ao poder de processamento do PlayStation 4. Os movimentos acrobáticos dos personagens serão imersivos e uma representação fidedigna da realidade.

Além dos tradicionais, novos movimentos como a utilização de um gancho e novas possibilidades de agarramento, contribuirão para uma maior dinamicidade do gameplay.

Visual de última geração

Um dos pontos que mais chamam atenção diz a respeito do visual do game. Impulsionado pelo poder da nova geração, as feições e a modelagem dos personagens atingiram níveis nunca vistos. Percebe-se nitidamente que Nathan Drake agora está na casa dos quarenta anos, com várias marcas de expressões e até alguns fios brancos de cabelo.

Multiplayer

A campanha é o principal atrativo de Uncharted, entretanto, o multiplayer online é um importante componente da obra.

Pegando emprestado vários elementos do multijogador do The Last of Us, o novo MP de Uncharted promete conquistar os jogadores e isso já foi percebido durante a fase BETA.

Dinâmico, intenso e divertido, o modo de jogo promete elevar o nível visto nos últimos jogos que continham esta opção.

Para atingir os objetivos, a Naughty Dog introduziu novos artefatos como: poderes místicos, parceiros, atordoamentos e diversas outras nuances que farão uma abordagem mais consistente da modalidade.

O que esperar?

De um título da Naughty Dog esperamos nada menos que algo supremo, mas, de um último Uncharted, franquia mais importante do estúdio (desculpe, The Last of Us) e uma das prioritárias da Sony, aguardamos um produto de qualidade ainda mais elevada, digno de Game of the Year.

Tantas expectativas podem gerar um pesado fardo para os desenvolvedores. Talvez, este seja um dos motivos que levaram o game a um segundo adiamento.

A Thief’s End está agendado agora para 26 de Abril de 2016 com a justificativa de que a equipe precisa de um pouco mais de tempo para entregar o produto final que todos desejam.