Testamos na BGS 2017: Star Child: PlayStation VR

Testamos na BGS a experiência na realidade virtual de Star Child, um game inusitado na área.

O PlayStation VR é um dos atrativos presentes na BGS 2017. São cerca de 12 títulos que abordam a realidade virtual em diferentes perspectivas. Desde shooters até jogos de plataforma compõem o grande cartel de opções.

Star Child é uma das opções para os jogadores terem acesso ao PlayStation VR. O jogo de plataforma apresenta uma jogabilidade simples e uma demonstração curtíssima, porém entrega uma experiência divertida, empolgando aqueles que desejam adquirir o acessório.

Uma aventura sublime

Star Child pode ser considerado um investimento inusitado na área da realidade virtual. O motivo de tal afirmação? Os jogos de PlayStation VR tendem a excitar sensações básicas, como a adrenalina de tiros ou sustos espontâneos. Contudo, Star Child pretende mexer com a visão para atingir seu coração, pois a abordagem é intimista, pessoal, focado no enredo.

A aventura apresenta uma menina que embarca numa espécia de região submarina e estabelece uma relação com um gigante robô que a protege de uma criatura grotesca. Para ativar o guardião, é necessário resolver puzzles e carregá-lo com energia. Quebra-cabeças muito simples apresentados na demonstração, mas que resultam no investimento do relacionamento improvável.

É por isso que será uma proposta inusitada. Será um jogo de PlayStation VR que almeja contar uma história, focar na campanha, e não utilizar-se da tecnologia para apenas transportar os jogadores para dentro das telas.

Mas já?

Star Child possui uma demonstração brevíssima. O tempo de jogabilidade levou em torno de sete minutos para conclusão. Não é um título destaque e também não possui gráficos exuberantes, mas a realidade virtual encaixa-se perfeitamente no modo plataforma. Em muitas as vezes você tentará tocar os itens à sua frente, achando que tudo é real. É divertido demais!

Apesar do pouco tempo, a experiência deve ser julgada pela proposta simplista e com o intuito de apresentar um jogo focado na campanha. Os puzzles, que devem complicar ao longo da jornada, servem como pano de fundo para a história desta amizade. Um game inusitado na área, sem dúvidas.