Os rumores que inundaram a Internet nas últimas semana – finalmente – se tornaram realidade: Mortal Kombat 11 é real. Um anúncio que realmente trouxe boas expectativas sobre o próximo ano.

Tradicionalmente, alternando entre um novo jogo de Mortal Kombat e Injustice a cada dois anos, a NetherRealm Studios manteve o costumeiro ciclo, para a alegria dos seus fiéis seguidores.

Diante disso, listamos aqui algumas informações já elencadas sobre o vindouro MKII. O calendário já está em regressão!

Data de lançamento

Senão bastasse um trailer bem animador como este, já temos uma grata surpresa: a data de lançamento mundial é de 23 de abril de 2019! Ou seja, será uma espera muito pequena, de pouco mais de quatro meses.

Gameplay em breve

O trailer não mostrou o gameplay in-game da nova versão da franquia, porém não será necessário esperar por muito mais tempo: no próximo dia 17 de janeiro, haverá uma transmissão ao vivo no endereço www.twitch.tv/NetherRealm, na qual a experiência de jogo será demonstrada. O “Dia de Revelação”.

Teste prévio

Para quem adquirir o jogo em pré-venda (em breve disponível na PSN) serão oferecidos dois mimos: 1) Shao Khan 2) acesso a uma versão BETA do game em março de 2019.

Gráficos nunca vistos

O trailer, assim como alguns screenshots divulgados, comprovaram o que sempre tem acontecido com a franquia nas suas últimas versões: a constante evolução gráfica. Dificilmente, MK 11 irá decepcionar neste aspecto.

Sangue, muito sangue

O que chamou a atenção desde o primeiro MK, novamente virá em abundância: o sangue. Aliado aos gráficos, é notório que MK 11 será violento como sempre. Se na versão anterior, os fatalities já eram extremamente brutais, imaginem agora como serão?

Multiverso?

A parceria com a DC nos últimos anos,  com a franquia Injustice, parece influenciar o universo Mortal Kombat: no trailer, é possível ver Raiden enfrentando diferentes versões do Scorpion, o que sugere um possível cenário de multiverso. Que surpresas nos esperam desta vez? Resta-nos aguardar.

Lutadores clássicos

Por mais que novos lutadores possam adicionar ingredientes interessantes ao jogo como um todo, seja na história, seja nos combates, os lutadores clássicos jamais podem ser esquecidos. Além de já confirmados pela publisher que muitos deles estarão presentes, alguns deles já podemos comprovar, na prática, que são Raiden, Scorpion e Shao Khan.

Armas

Talvez não tão bem aproveitado em versões anteriores, especificamente na era PlayStation 2, tudo indica que haverá uma nova tentativa de aproveitar a utilização de armas durante os combates sangrentos. Se formos julgar pelo trailer, há boas chances de termos uma experiência mais bem sucedida desta vez.

Customização de lutadores

Algo que tem sido utilizado amplamente por alguns jogos de luta como Tekken 7 e mais recentemente, por SoulCalibur VI (ambos da Bandai Namco), a customização de personagens é uma feature que presente no Mortal Kombat 11. Não foram divulgadas informações se esta customização será meramente estética ou poderá influenciar no gameplay.

Modo história presente mais uma vez

Quando pensamos em um bom modo história presente em um jogo de sopapos, inevitavelmente lembramos dos jogos da NetherRealm Studios. Não deve ser diferente desta vez. Provavelmente, saberemos o porquê de versões diferentes do mesmo lutador no jogo.