Resident Evil 2 é um clássico e muita gente está familiarizada com a trama da franquia da Capcom. No entanto, com a chegada da reimaginação para os consoles da atual geração, é sempre bom relembrar os acontecimentos dos jogos clássicos lançados na década de 90.

O que levou Raccoon City a ser tomada por zumbis? Quem são Leon S. Kennedy e Claire Redfield e por que eles dois foram até a cidade?

Estranhos acontecimentos em uma cidade pacata

Raccoon City é uma pacata cidade do meio-oeste dos Estados Unidos que prosperou com as atividades da Umbrella, uma grande empresa farmacêutica instalada por lá.

A Umbrella estava em todos os lugares da cidade, seja empregando boa parte dos cidadãos ou financiando grandes projetos de infraestrutura da cidade e até participando da criação de um esquadrão de elite, S.T.A.R.S.

As coisas começam a mudar em julho de 1998, quando estranhos homicídios começam a acontecer na Floresta Arklay, nos arredores de Raccoon City. A primeira equipe a ser enviada para investigar foi a Bravo. Como os agentes pararam de responder logo depois de terem chegado ao local da missão, o capitão dos S.T.A.R.S., Albert Wesker, decidiu enviar também a equipe Alfa.

Chris, Jill, Barry e Wesker pousaram na floresta e descobriram que o helicóptero da equipe Bravo caiu no local e decidem descer para resgatá-los. O que deveria ser mais uma missão do dia-a-dia destes soldados treinados se tornou um pesadelo que mudou suas vidas para sempre.

Um mansão no meio da floresta?

Enquanto investigavam os arredores do local do acidente da equipe Bravo, Chris, Jill, Barry e Wesker são atacados por uma horda de cães selvagens e decidem se abrigar em uma mansão desconhecida.

Para tentar entender o que poderia estar acontecendo, os agentes dos S.T.A.R.S desbravaram a imensa propriedade na Floresta Arklay. O lugar era cheio de segredos, passagens secretas, armadilhas e estava completamente infestado de zumbis e outras criaturas bizarras.

Os S.T.A.R.S acabam descobrindo que a mansão era propriedade de Ozwell E. Spencer, um dos fundadores da Umbrella e escondia um laboratório de pesquisa. Lá, durante anos, a empresa que dominava Raccoon City produzia armas biológicas na surdina: vírus e monstros para serem usados no campo de batalha. Tudo isso acontecia em segredo até que algo deu muito errado.

O T-vírus vazou do laboratório, infectou os funcionários da Umbrella, transformou todos em zumbis e libertou monstros na Floresta Arklay – mas essa era só uma parte do problema.

Havia um traidor entre os S.T.A.R.S. O capitão Albert Wesker era, na verdade, um funcionário de alto escalão da Umbrella que havia atraído o esquadrão para a mansão. O plano era aproveitar o incidente para testar a arma biológica mais moderna da empresa, o Tyrant.

Para o azar de Wesker (ou não) os S.T.A.R.S passaram no teste e o Tyrant falhou. O capitão acabou morto pela criatura e os agentes voltam para a Delegacia de Polícia de Raccoon City (R.P.D) para reportar o ocorrido.

A Umbrella precisa pagar!

Os agentes sobreviventes dos S.T.A.R.S estavam decididos a expor as atividades criminosas da Umbrella. Eles só não imaginavam que todo o sistema havia sido corrompido pela empresa.

Brian Irons, o chefe de polícia de Raccoon City, recebia uma gorda mesada da Umbrella para bloquear investigações e manter as autoridades longe de suspeitas sobre atividades da empresa. O principal papel de Irons era manter em segredo um laboratório secreto localizado no subsolo da cidade e facilmente acessado pela delegacia através dos esgotos.

Os S.T.A.R.S foram, então, completamente desacreditados por Brian Irons e tratados como loucos. O esquadrão é desmantelado, mas agentes como Jill e Chris decidem conduzir investigações por conta própria. Uma delas levou Chris até a Europa para investigar outras filiais da Umbrella no continente, enquanto Jill permaneceu na cidade.

Um desastre iminente

Enquanto as denúncias sobre a Umbrella não eram apuradas, o T-vírus vazado na Floresta Arklay se aproximava da área urbana aos poucos. Estações de processamento dos laboratórios da empresa já não davam mais conta do volume de resíduos produzidos, contaminando a água e os alimentos.

Os relatos sobre uma estranha doença começavam a se tornar cada vez mais comuns, mas eram abafados com o poder que a Umbrella exercia também sobre a imprensa local. Um dos repórteres, Ben Bertoluci, estava decidido a provar que a polícia de Raccoon City era corrupta e estava envolvida em uma conspiração com a Umbrella.

Em setembro de 1998, as coisas desandam de vez. William Birkin, o chefe do laboratório subterrâneo da Umbrella, decide que não irá entregar seu projeto nas mãos da empresa. Além de conduzir pesquisas com o T-vírus, Birkin criou um novo, o G-vírus, muito mais poderoso.

A Umbrella decide invadir o laboratório subterrâneo com o esquadrão U.S.S, liderado por HUNK, para tirar o G-vírus das mãos de Birkin. Depois de invadirem o laboratório e atacarem o cientista, os soldados fogem com o vírus, mas são atacados por uma criatura mortal nos esgotos. Quando os agentes derrubam amostras dos vírus T e G, os ratos fazem o trabalho de levá-los para as ruas da cidade e até os habitantes de Raccoon City.

Não demora muito para o caos tomar conta de tudo. Enquanto o número de infectados cresce, a polícia tenta manter a ordem, mas os zumbis invadem a R.P.D, dizimando parte da força policial. Dentre eles está Marvin Branagh, que precisou interromper os preparativos da festa de boas-vindas de um policial novato para conter as hordas de zumbis e buscar uma rota de fuga da delegacia de polícia.

Enquanto isso…

Sem imaginar o que se passa em Raccoon City, duas pessoas se dirigem para a cidade.

Em sua motocicleta Harley Davidson, a jovem universitária Claire Redfield decide ir até a cidade depois de perder contato com o irmão, Chris.

Leon S. Kennedy se dirige até Raccoon City para encarar seu primeiro dia de trabalho como policial na R.P.D. Ele estava em casa, aguardando ordens para ser chamado. Depois de ninguém contacta-lo e sentir que algo poderia estar errado, ele decide zarpar para a cidade mesmo assim.

E este é só o começo do pior pesadelo que eles irão viver.

O resto dessa história você descobre em 25 de janeiro, quando Resident Evil 2 for lançado. Já garantiu o seu?