Não, o Meu PS4 não vai entrar naquela guerra de consoles. Mas, sim, é preciso falar do quão grande é a diferença das indicações da Sony para as outras empresas na lista do The Game Awards 2018. E isso, sem dúvidas, é mais uma prova do amplo domínio da marca, com seu PlayStation 4, na atual geração.

A Sony vai concorrer a incríveis 21 prêmios no TGA. O grande destaque vai pra God of War, um dos favoritos ao GOTY e indicado a nove troféus. Mas outros exclusivos, como Marvel’s Spider-Man e Detroit: Become Human, também brilharam. A segunda empresa com mais indicações foi a Take-Two/Rockstar, com 9 – todas para Red Dead Redemption 2.

As principais concorrentes diretas da Sony no mercado, Nintendo e Microsoft/XBox, tiveram 7 e 3 indicações, respectivamente. Ou seja, somadas, elas não chegam sequer à metade das nomeações da Sony. Dentre as third-parties, atrás da Rockstar, Activision e Ubisoft foram as principais, com 8 e 7 indicações.

Ou seja, a Sony vem cumprindo o que sempre prometeu: tornar o PlayStation 4 um lugar feito para excelentes jogos. Inclusive, ele é a única plataforma onde é possível jogar todos os jogos indicados ao GOTY desse ano: Marvel’s Spider-Man, Assassin’s Creed Odyssey, God of War, Red Dead Redemption 2, Celeste e Monster Hunter World. Dois deles, exclusivos.

Em 2017, o GOTY foi pra Nintendo, com Zelda, e a empresa também tinha Mario na lista. Só que também tinha um exclusivo da Sony na briga, Horizon. Em 2016, deu Overwatch, dando até polêmica por vencer outro exclusivo do PS4, Uncharted 4. Em 2015, The Witcher 3 foi o ganhador, mas Blodborne representou os jogos somente para o console da Sony.

Somente em 2014, dos anos desde a criação do The Game Awards, não houve um exclusivo do PlayStation 4 na lista – o que é bem compreensível, já que o principal título da Sony para o ano havia sido Infamous Second Son, o primeiro grande lançamento do console. Não dá para negar: a empresa investiu pesado em títulos que só podem ser jogados no PS4.

Os números mostram que a estratégia deu certo. Os exclusivos do PlayStation 4 fizeram do console o líder do mercado com folga, com previsão de chegar às 100 milhões de unidades comercializadas em pouco mais de 5 anos nas lojas. E se 2018 foi um ano espetacular, há também uma enorme expectativa por 2019.

Days Gone já está confirmado, mas ainda podem vir Dreams, Concrete Genie e os super aguardados Death Stranding e Ghost of Tsushima. Sem falar em The Last of Us Part II, a sequência do clássico de 2013, que deve ficar para 2020. Alguém duvida que a Sony terá ainda muitas indicações no TGA até o fim desse ciclo?