A Blizzard anunciou que não possui “nenhum título grande a ser lançado” em 2019. A notícia foi entregue juntamente com o anúncio do corte de 800 funcionários da Activision-Blizzard, que representa cerca de 8% do staff total.

O último jogo da Blizzard foi Overwatch, lançado em 2016, e que conquistou o cenário multijogador com competições eSports e até mesmo ganhou como GOTY daquele ano.

A situação da Activision-Blizzard parece bastante conturbado. Apesar de Call of Duty: Black Ops 4 ter alcançado a marca do jogo mais vendido de 2018, superando as vendas do seu antecessor, a empresa destacou a necessidade de “centralizar funcionalidades” e, por isso, realizou o imenso corte de vínculos empregatícios.

No entanto, os ventos favoráveis podem soprar novamente à companhia ainda mesmo neste ano. Até o momento, existem dois jogos confirmados sob a responsabilidade da editora, que são Sekiro: Shadows Die Twice e Crash Team Racing: Nitro-Fueled. Ambos os títulos são muito esperados pelos jogadores.

Além deles, um novo Call of Duty é especulado e é possível que seja uma nova entrada da saga Modern Warfare. Contudo, a empresa ainda não confirmou isso.

Só fica mesmo os mistérios em relação a própria divisão Blizzard. Será que não sequer anúncios de novos títulos?