Talvez o jogo mais esperado da CD Projekt RED, Cyberpunk 2077, buscará agradar a todo tipo de consumidor. Isso porque, uma das novidades anunciada por um dos coordenadores do projeto, Alvin Liu, será a de ter diversas dificuldades para o game. Enquanto que certos jogadores poderão experimentar uma jogabilidade muito difícil, outros mais casuais conseguirão zerar o jogo sem precisar praticar o tiro.

Cyberpunk 2077
Jogadores poderão escolher como jogar.

Em entrevista à Wccftech, Liu conta que pensar nos jogadores interessados apenas na história era uma grande preocupação da empresa, até traçando um paralelo com The Witcher:

Acho que (o modo) mais divertido será o hardcore. Será um verdadeiro desafio para muitos jogadores. Também, ao mesmo tempo, se você quer ser um jogador mais casual pela história e talvez não tenha experiência em shooters, foi uma grande preocupação nossa. – disse ele.

Queremos contar uma grande história e você talvez seja um fã de The Witcher e não está confortável em jogar um shooter, teremos configurações certas para isto. Teremos até armas para isto. Se você se lembrar, na demo do ano passado, tínhamos uma arma chamada ‘Smart Gun’, que te ajudava a mirar. As balas eram mais lentas e fracas. Mas se mirar não é seu forte, você sempre pode escolhê-la. – completou.

Customização parece ser a palavra-chave de Cyberpunk 2077. Além de escolher ser um hardcore ou pacifista, o jogador poderá decidir a origem do personagem principal, que afetará até mesmo algumas quests no jogo.

Cyberpunk 2077 será lançado para PlayStation 4, Xbox One e PC no dia 16 de abril de 2020. Você já pode comprar na pré-venda através da PlayStation Store pelo preço de R$ 250.