Hideo Kojima vem conquistando o coração (e bolsos) dos japoneses com Death Stranding. O título bateu recordes de vendas no Japão, tornando-se o mais vendido na semana de lançamento. Um total de 185 mil cópias foram comercializadas no território oriental,  alcançando o topo na tabela da Famitsu (via Eurogamer).

Death Stranding ainda auxiliou nas vendas do PlayStation 4 e do PS4 Pro. Na semana do lançamento do game, cerca de 15 mil unidades dos consoles foram entregues – no período anterior, o número foi de aproximadamente 8 mil.

O game de Kojima também bateu outros recordes no seu país: agora, ele é a maior estreia de uma IP da atual geração. Além disso, registrou marcos interessantes no Reino Unido. O game é “a segunda maior estreia de PlayStation em 2019”, ficando atrás somente de Days Gone.

As críticas mistas e as reações negativas de alguns fãs não parecem estar fazendo tão mal a Death Stranding. Com uma boa estreia em terras europeias, pode ser que analistas, antes incertos sobre o quão longe o jogo poderia chegar comercialmente, mudem seus pensamentos.

Death Stranding recebe update de melhorias

A Kojima Productions segue trabalhando em Death Stranding. O estúdio lançou mais um patch para o jogo nesta semana que ocupa 1 GB de espaço com melhorias de performance.

Esta não é a primeira vez que os desenvolvedores se focam no desempenho do game. Antes mesmo do lançamento, revisores já foram obrigados a baixarem um patch por causa deste fator. Além disso, o “Patch Day One” também corrigiu alguns problemas do tipo.