PS Vita

É o fim de uma era: a Sony vai encerrar a produção do PS Vita em 2019 no Japão. Hiroyuki Oda, vice presidente da Sony Interactive Entertainment, revelou à revista Famitsu (via Gematsu), durante a Tokyo Game Show 2018, que o console portátil está, oficialmente, com os dias contados. Algo que não surpreende a ninguém, mas que não deixa de ser uma notícia a se lamentar.

Lançado em 2011, o PS Vita surgiu como sucessor do PSP e prometia muito. No entanto, a adoção inicial não foi tão grande e, principalmente, após a Sony lançar o PlayStation 4 (esse sim, um baita sucesso), parece que o portátil ficou esquecido. Atualmente, por exemplo, recebe, no máximo, alguns jogos de estúdios menores. Nada parecido com Uncharted: Golden Abyss, seu grande título de lançamento.

“Neste momento, não temos nenhum plano de desenvolver um novo dispostivo portátil. No Japão, vamos fabricar o PlayStation Vita até 2019. Depois disso, pararemos de produzir”, afirmou Oda.

Em maio deste ano a Sony já havia explicado que a produção de jogos físicos será encerrada em fevereiro de 2019. Esta nova informação apenas serve como “última pá de cal”.

No Brasil, o Vita chegou em março de 2012 e também “não emplacou”. Atualmente, quem tem o console usa mais para o Remote Play, com títulos do PS4, do que jogando títulos para ele mesmo. É uma pena que ele tenha chegado ao fim da linha, mas é algo que todos já esperavam e sabiam que iria ocorrer há um tempo.