Detroit Become Human é um dos jogos exclusivos mais esperados no PlayStation 4 em 2018. E também é, provavelmente, o título que tem alguns dos números mais impressionantes já vistos em um game.

Pelo menos foi o que deu a entender David Cage, criador do jogo. Em entrevista ao Wired, o produtor resolveu liberar informações mais concretas sobre a grandeza da narrativa de Detroit Become Human. Mas não exatamente falando sobre o tempo de duração da aventura.

Ele simplesmente mostrou números que representam a longevidade e a quantidade de conteúdo criado para a obra. Para começar, mais de 250 atores foram contratados para emprestarem seus movimentos a 513 personagens presentes na história do game.

Além disso, o script com a narrativa do jogo tem mais de 2 mil páginas de textos, diálogos, roteirização e detalhes para cada uma das cenas. Mas não pára por aí: serão mais de 35 mil ângulos de câmera ao longo da trama.

E, também, mais de 74 mil animações únicas somando-se todos as atuações dos personagens e suas variações. Por fim, o jogo terá, ao todo, mais de 5.1 milhões de linhas de programação em toda a sua estrutura de dados.

Para que servem estes números?

É claro que, por ora, esses números não significam muita coisa. Eles precisam fazer sentido de um jeito que, como em qualquer tipo de mídia, como um filme, por exemplo, consiga captar e emocionar quem participa ou comanda a experiência.

Para saber se Detroit Become Human será uma dessas obras marcantes, será preciso esperar mais alguns meses. O game está marcado para ser lançado em 25 de maio. Até lá, você pode conferir um hands-on do game que fizemos diretamente na PlayStation Experience 2017. Ou entender mais que as suas escolhas terão consequências no desenrolar da trama.

LEIA MAIS