Com as ações da Activision Blizzard na queda, um investidor sugeriu (via Gamerant) que a Walt Disney Company compre toda a empresa de games. Trata-se de Nick Licouris, que trabalha para a Gerber Kawasaki, uma firma de gestão de investimento.

Ele afirmou que vê potencial grande em uma fusão da empresa de Mickey Mouse e a criadora de um dos maiores clássicos dos games, World of Warcraft. Os negócios da Activision dentro do eSports e as redes televisivas da Disney poderiam dar muitos lucros no futuro.

Vale lembrar que a Disney já transmite a liga de Overwatch, se tratando de uma conexão importante no segmento. A Gerber Kawasaki, inclusive, possui aproximadamente mais de noventa mil em ações da Activision, de acordo com a Bloomberg.

Enquanto que a Disney vem dominando as notícias no mercado de ações, tendo adquirido recentemente a FOX e investindo pesado na plataforma de streaming, o segmento dos games não é tão bem-sucedido assim para eles. No passado, houve a aquisição de estúdios como a Playdom, que criou jogos como Club Penguin e Disney Infinity. O problema foi que essas decisões deixaram um prejuízo gigantesco de milhões de dólares.

“Nós achamos que a melhor saída é licenciar nossos produtos e não publicá-los”, afirmou à época o chefe-executivo da Disney, Bob Iger. E isso de fato, vem ocorrendo.  De lá pra cá, a EA Games produziu muitos títulos de Star Wars, enquanto que a Square Enix deu vida ao clássico Kingdom Hearts.

Com o marketing global dos videogames atingindo impressionantes US$ 152.1 bilhões neste ano, Licouris acha que é uma oportunidade muito boa para deixar passar. No entanto, nem Disney, muito menos a Activision Blizzard deram alguma declaração oficial a respeito.