Já pensou que “curioso” seria ligar o seu PlayStation e começar a rodar o Xbox Game Pass? Pois é, o diretor de “serviços de gaming” da Microsoft, Ben Decker, já. Em entrevista ao site Game Reactor, durante a Gamescom, ele explicou que a meta da empresa é levar o serviço por assinatura a todas as plataformas possíveis, incluindo o PS4.

Para quem não está familiarizado com o produto da “concorrente”, o Game Pass é um tipo de assinatura semelhante ao PlayStation Now. Você paga um valor mensal para ter acesso a uma biblioteca de jogos. Ele pode ser contratado somente para o PC, apenas no Xbox ou num pacote para as duas plataformas.

“Nós gostaríamos de ver o Game Pass em todas as plataformas, e eu acho que essa pode ser nossa meta a longo prazo. Não temos planos específicos por enquanto, mas todos nós amaríamos ver o Game Pass em todos os lugares”, disse Decker.

Ao que tudo indica, o momento é de mais colaboração do que rivalidade entre Microsoft e Sony. Recentemente, as empresas anunciaram uma parceria para “serviços estratégicos”. Shaw Layden também falou que os estúdios da Sony podem começar a fazer jogos com a “distribuição mais ampla”.

Ou seja, não parece absurdo, em um futuro próximo, ver as companhias colaborando de alguma outra forma. Especialmente porque a Sony já vem se demonstrando mais flexível quanto a serviços dessa forma no seu console. O EA Access, que ficou anos só no Xbox – por conta de um veto da PlayStation -, chegou nesse ano ao PS4, por exemplo.