GTA V não cansa de fazer história. Segundo o último relatório fiscal da Rockstar Games, o jogo superou a marca de 100 milhões de cópias vendidas. O marco é impressionante, pois somente outros dois games conseguiram tal feito: Minecraft e Tetris. Entretanto, quem teve mais lucro foi mesmo Grand Theft Auto.

Inclusive, a Rockstar e a Take-Two podem se orgulhar de ter, com o jogo, “a propriedade de entretenimento mais lucrativa” de todos os tempos. E, segundo as próprias empresas, ele continua a “superar as expectativas”. Mesmo cinco anos depois do lançamento, vem tendo ótimas vendas – e foi até o mais comprado da PSN em alguns meses desse ano.

Com um suporte incrível ao modo GTA Online, que atrai jogadores de todo o mundo até hoje, a Rockstar promete manter os esforços no título, mesmo com a chegada (e o baita sucesso) de Red Dead Redemption 2. E segundo o CEO da companhia, Strauss Zelnick, seria melhor não comparar os dois.

“Não quero comparar nada a GTA V ou GTA Online. Ele é um jogo único, que definiu padrões para nossos jogos e para a indústria”, disse, em entrevista à Variety.

Apesar disso, o executivo admitiu que RDR 2 também foi fundamental para que esse trimestre fiscal tenha sido ótimo para a Rockstar. De acordo com ele, as vendas do game foram “milagrosas”, ajudando as receitas da empresa a serem 11% melhores do que a desse mesmo período no ano passado, chegando a quase US$ 493 milhões.