Mais um episódio da novela Hideo Kojima e Konami aconteceu durante a premiação da The Game Awards na madrugada dessa sexta-feira. Ao que tudo indica, o posicionamento de ambas as partes chegaram em um determinado ponto a serem inconciliáveis e, agora, até judiciais.

Quando Metal Gear Solid V: The Phantom Pain recebeu o prêmio de melhor jogo de ação/aventura, Kiefer Sutherland, o dublador que dá voz ao protagonista do game, subiu ao palco para receber o troféu, ato que Kojima deveria ter feito. Foi então que o apresentador do TGA, Geoff Keighley, revelou o motivo de Kojima não esta presente. Ele disse:

“Hideo Kojima não está conosco essa noite e quero contar um pouco acerca disso. O sr. Kojima possuía toda a intenção de estar presente no evento, mas, infelizmente, ele foi informado por um representante judicial da Konami de última hora que não poderia estar aqui para participar ou para receber qualquer prêmio já que Kojima ainda está contratado pela empresa. É decepcionante e inconcebível para mim que um artista como Hideo não seja permitido para estar aqui para celebrar com seus colegas de trabalho o projeto que realizaram.”

Quando o apresentador finalizou sua declaração, toda a plateia vaiou a Konami demonstrando total insatisfação e reprovação com a atitude da empresa.

Por enquanto, não há qualquer pronunciamento da Konami ou até mesmo do próprio Kojima. Estamos aguardando novas informações, e esse post será atualizado de acordo com as possíveis declarações vindouras.

O que você acha que tem acontecido para uma parceria dessa estar nesse estado? O que você pensa da atitude da desenvolvedora? Deixe seu comentário.