O lançamento de No Man’s Sky foi bastante conturbado. Mesmo assim, a desenvolvedora Hello Games mostrou que não se deixou abater. Fez “voto de silêncio”, e se concentrou em melhorar a experiência. A medida foi bem recebida, com o resultado mais visível no engajamento dos jogadores. O tempo médio de gameplay dobrou desde seu lançamento.

A revelação veio de Sean Murray, diretor criativo do game. Durante entrevista ao site PC GamesN, ele comentou que essa média girava em torno de 25 horas quando No Man’s Sky chegou.

Após a chegada da atualização NEXT, o tempo médio de jogo saltou para 45 horas. “É realmente um número bem alto. Poucos são os títulos que eu passo entre 40 e 50 horas durante o ano, então estamos bem felizes com isso“.

 

[No Man’s Sky] é como se fosse um game eterno para eles. Essa se tornou a métrica com a qual realmente começamos a nos importar. Não é que desejamos as pessoas fiquem nele infinitamente, mas não temos muitos aqueles ‘loops de gameplay’ tradicionais mais envolventes. Eles jogam porque gostam, eles querem ver o próximo planeta, ou o que quer

Mas o que as pessoas tanto fazem em No Man’s Sky? Construir bases é uma das atividades mais executadas. E é o que encoraja mais ainda a exploração, de acordo com o diretor. “Você chega em um planeta, e o que eles procuram saber primeiro é se alguém já esteve ali e se já construiu algo“.

No Man’s Sky vai além com Beyond

Se com todas essas alterações No Man’s Sky já se expandiu tanto, fica a expectativa sobre como será após a chegada da próxima atualização, Beyond. Além da promessa de um “multiplayer radical”, o suporte ao PlayStation VR será pretende acrescentar uma camada extra de gameplay.