Iceborn, a próxima expansão de Monster Hunter World, também será a última. Quem confirma é o produtor do jogo, Ryozo Tsujimoto, e o diretor, Daisuke Ichihara. Mesmo depois da chegada do conteúdo, o jogo vai continuar a receber suporte da Capcom, com atualizações trazendo correções e melhorias quando necessário.

“Basicamente, Iceborne completa [Monster Hunter] World, então será a última expansão”, explica o produtor. Ele complementa: “Estamos planejando muitas atualizações para o futuro, mas acreditamos que os jogadores vão se divertir bastante com ele. Fiquem ligados para detalhes”.

Tsujimoto também confirmou que aqueles que comprarem a expansão poderão jogar com outros jogadores que não possuem o conteúdo. Ainda, as novas mecânicas de Iceborne estarão disponíveis logo após o download. “No entanto, para jogar a história você precisa terminar Monster Hunter World primeiro“, completa.

Outro ponto de destaque é que a história da expansão, que é basicamente tão grande quanto a narrativa principal, não se passará totalmente na nova área Hoarfrost Reach. Cerca da metade ainda acontecerá no antigo continente.

Por fim, tanto ele quanto o diretor afirmaram estarem “surpresos com o imenso sucesso de Monster Hunter World”. O título se tornou o mais vendido da história Capcom.

Em Icebornd, os caçadores enfrentam os perigos das áreas geladas de Hoarfrost Reach, na caçada a novos monstros e desbravamento de regiões desconhecidas. A expansão chega em 6 de setembro. Para acessar a história da DLC é necessário terminar a do jogo principal e alcançar o nível 16.