Umas das promessas de exclusivos da PlayStation 4, Rime passa por um momento de turbulência em sua produção, levantando até rumores sobre seu futuro.

De acordo com especulações, os direitos do game teriam sido transferidos da própria Sony para o estúdio Tequila Works, fazendo com o que a obra deixe de ser exclusiva da empresa japonesa. Mas afinal, o que aconteceu para ocorrer uma mudança dessas com um game independente que prometia sucesso?

Confira o trailer de anúncio do game

Poucas informações sobre o game são oficias, mas alguns rumores defendem que a insatisfação da Sony com a falta de resultados, durante o desenvolvimento do jogo, foi tamanha, que causou o corte do patrocínio à produtora Tequila Works e sua desistência do projeto. Seria uma aposta alta em uma empresa ainda sem um jogo de sucesso no currículo.

Independente do real motivo, essa suposta mudança nos direitos do jogo colocou em dúvida a exclusividade do game para a plataforma da Sony. O fato é que a continuidade do privilégio ainda não foi confirmada e nem desmentida por sua produtora.

Dentro desse pacote de rumores, de concreto mesmo, só temos a informação sobre os direitos. Ao ser perguntada sobre o jogo em si, a Tequila Works respondeu oficialmente, via Twitter, que o desenvolvimento do jogo “ia bem e terminando bem”, em uma tentativa de acalmar os futuros fãs, complementado que novas informações serão apresentadas em breve.

Rime

O mistério continuou quando, em uma mensagem apagada rapidamente, apresentada também via Twitter, a Tequila Works se eximiu de qualquer culpa na falta de informações oficiais sobre o jogo até o momento, mesmo não indicando quem seriam os possíveis culpados.

De fato, só o tempo poderá nos mostrar qual será o futuro do jogo. O importante é que todas as partes envolvidas consigam superar esse desafio de mudanças e lançar o jogo o mais breve possível.