O site Trusted Reviews e sua controladora, a TI Media, foram processados pela Rockstar Games por terem vazado, em fevereiro deste ano (relembre aqui), informações confidenciais de Red Dead Redemption 2.  O valor da ação é de 1 milhão libras esterlinas (quase R$ 5 milhões na cotação de hoje (1) ).

Em nota, a TI Media pede desculpas às empresas envolvidas e explica que o montante será doado para instituições de caridade selecionadas pela Take-Two:

Em 6 de fevereiro, publicamos um artigo com documentos corporativos confidenciais. Devíamos ter conhecimento da situação e não publicado. Pedimos nossas sinceras desculpas para a Take-Two e assumimos as responsabilidades, bem como não repetiremos tais ações novamente. Concordamos em doar 1 milhão de libras para caridade.

A Rockstar Games e a Take-Two também se pronunciaram sobre o caso. As empresas optaram por abrir mão dos recursos a fim de concedê-los para organizações não-governamentais.

A Take-Two leva a questão de segurança muito a sério e tomaremos provisões legais contra pessoas ou publicações que vazam informações confidenciais. Devido à situação envolvida sobre Red Dead Redemption 2, a Rockstar Games decidiu direcionar os fundos para três grandes instituições: aAmerican Indian College Fund, American Prairie Reserve a First Nations Development Institute.

Ainda que pareça inocente, publicar informações que nenhum outro veículo de comunicação possui – violando a confidencialidade -, deve ser encarado com muita responsabilidade já que envolve muitas outras situações. Um vazamento de RDR 2, por exemplo, pode afetar as ações da empresa e prejudicar negócios e pessoas.

Red Dead Redemption 2 foi lançado na última sexta-feira e desde então vem quebrando recordes de vendas e alegrando muitos jogadores.