Falta cerca de um ano para o lançamento do PlayStation 5, mas a Sony já pensa em produzir uma versão Pro do console. Isto porque a empresa conseguiria manter o videogame atualizado com os rápidos desenvolvimentos tecnológicos que acontecem através dos anos.

Em entrevista ao Game Informer, o vice-presidente de engenharia em hardware e operações da SIE, Masayasu Ito, falou sobre o tempo de vida do console. Dada a velocidade que a tecnologia se desenvolve, seis ou sete anos são suficientes até a vinda da próxima geração. Mesmo assim, após certo período, um melhoramento pode acontecer para prolongar o que já está estabelecido. Assim como ocorreu com o PS4 Pro.

No passado, o ciclo para uma nova plataforma era de sete a dez anos, mas com o rápido desenvolvimento e evolução da tecnologia, o ciclo passou a ser de seis a sete anos. Não podemos estar no mesmo nível de velocidade de desenvolvimento da tecnologia, dessa forma, nosso pensamento é que o PlayStation 5 viva entre seis e sete anos. Mas ao prever isso, devemos ser capazes de mudar o hardware e tentar incorporar avanços na tecnologia.

A Sony sempre lançou versões mais atualizadas de seus consoles através dos tempos. No PS1, a empresa liberou o ‘PSOne’, menor que o primeiro modelo na época. No PS2, houve o modelo ‘Slim’, igualmente menor que o anterior.

O PlayStation 5 estreia no fim de 2020, sem data específica.