Diante do sucesso de jogos gratuitos, como Fortnite e o recente Apex Legends, a Take-Two não parece estar interessada, ou até mesmo preocupada, com os concorrentes. A empresa diz estar comprometida com a qualidade e isso naturalmente atrai os consumidores.

A declaração veio de Strauss Zelnick, CEO da editora. Ele analisa que Fortnite é um caso isolado, raro e único, por isso não é recomendável tentar recriá-lo. Ele funciona como uma espécie de pioneiro para o gênero. Contudo, a Take-Two tem uma visão diferente sobre os Free-to-Play.

A verdade é que quando entregamos uma experiência AAA espantosa, os consumidores aparecem. Desde que a qualidade de nossos jogos continuem excelentes, não estou preocupado que outras desenvolvedoras estejam adotando a prática Free-to-Play.

Na verdade, todos os consumidores não são super-sensíveis ao preço do produto. Ou seja, se lançarmos alguma coisa que os jogadores não querem, pode vender no preço que for que ainda sim não terão interesse.

O CEO confia nos estúdios que estão sob a responsabilidade da Take-Two, como a 2K Games e a Rockstar Games. Tanto é que Red Dead Redemption 2, uma experiência AAA singular, já ultrapassou 23 milhões de unidades vendidas. Além disso, o modo online continua a receber novidades e conteúdos programados pela desenvolvedora.