Não basta apenas cumprir missões nas alturas. Voar e derrotar inimigos promete ficar ainda mais intenso em Dogfighter: World War 2, que acaba de apresentar seu modo Battle Royale.

Tudo está em um trailer especial lançado pela Iggymob, produtora do título, no qual alguns detalhes e diversas novidades são mostradas. Um prato cheio para os fãs de aviação e de jogos de batalhas.

Vale ressaltar que o Battle Royale é apenas um dos modos online de Dogfighter: World War 2, já que o game será majoritariamente multiplayer, valorizando a interação entre os usuários em seus diversos modos de jogo.

Inspirado em batalhas aéreas, com aviões, equipamentos e armas utilizados durante a Segunda Guerra Mundial, o game pode ser uma oportunidade de ampliar os conhecimentos históricos sobre o conturbado período.

O trailer já começa colocando o espectador no clima do conflito, lançando um jargão histórico de que “a guerra não define quem está certo, mas aqueles que são mais fortes para sobreviver”.

E sobreviver é o lema principal em um modo Battle Royale, que agora ganha os céus em sua nova ótica, em que os sobreviventes são aqueles mais habilidosos com os manches e armas disponíveis.

Seja como Aliado ou voando pela Luftwaffe, os jogadores estarão imersos em uma realidade vívida, bem elaborada pelos desenvolvedores, com detalhes de movimentação, combate e de ambientação visual.

Cápsulas de balas caindo das armas após o tiro são pontos irrelevantes perto das possibilidades de manobra próximos ao mar ou nas alturas, durante as perseguições aos aviões inimigos.

Apesar de ser um vídeo curto, o novo trailer mostra um pouco do que está por vir e a expectativa a ser criada aos fãs do gênero e do modo Battle Royale, que chega às lojas no primeiro semestre de 2019.