Los Angeles (CA) – Bravo Team foi mais um jogo anunciado para o PlayStation VR na conferência da Sony na E3 2017 que foi disponibilizado para testes na feira. E o game tem proposta e jogabilidade muito interessantes. A começar pelo fato de poder ser jogado em modo cooperativo, com dois jogadores online. Depois, com a maneira como ele é feito para ser jogado com o VR Aim – aquela nova arminha para o óculos de realidade virtual que foi lançada recentemente pela Sony.

Em Bravo Team, você é parte de um grupo de militares que tem que derrotar inimigos em diversos cenários. Na missão do teste, eles estavam bloqueando uma ponte, com carros parados em todos os lados e muita gente atirando em você. Seu personagem fica agachado atrás de um carro, e você pode ir se movimentando entre os carros e o que houver mais para lhe proteger só mirando nos locais com a VR Aim e apertando o “X”.

Ou seja, você não anda, de fato, com o boneco. É um point and click como a movimentação de Batman VR, por exemplo. Com a diferença de que, quando pára em um local, você pode trocar tiros com os adversários. E aí entra a excelência do VR Aim. Com um controle DualShock, a experiência poderia ser legal, mas com uma arminha, com gatilho, podendo mirar e apontar para onde você quer atirar, tudo fica bem mais legal.

É bem verdade que o fato de não andar, ao contrário do que acontece em jogos como Robinson, Farpoint e Archangel, por exemplo, é uma decepção. O jogo seria mais dinâmico com isso – apesar de, provavelmente, menos apelativo para quem tem problemas com enjoos no VR. De qualquer forma, é uma experiência muito legal. Fica apenas a preocupação com o preço, já que ele tem gráficos apenas OK e essa jogabilidade “reduzida”.

Caso não custe o valor cheio de um lançamento quando for lançado, provavelmente será uma compra bem válida. É divertido, o sistema de tiros com o VR Aim é bastante bem feito e poder jogar com uma outra pessoa online, se comunicando e traçando as melhores estratégias para derrotar todos os inimigos é muito legal.